https://winabet365.com/affiliates/?btag=664223

Deu a louca

Colecionador do Caxias já comprou camisa de pedreiro em obra e abordou até bêbado na rua

Leandro Luciano, talvez o maior colecionador de camisas do Caxias, tem um acervo pra lá de valioso

No momento desta entrevista, Leandro possuía 153 camisas do Caxias (Foto: Acervo pessoal)
No momento desta entrevista, Leandro possuía 153 camisas do Caxias (Foto: Acervo pessoal)

Leandro Luciano, torcedor do Caxias, é daqueles que ficam sempre de olho em possíveis camisas do time de coração quando anda pelas ruas de Caxias do Sul (RS). Se encontra alguém com uma que não tem na coleção, não pensa duas vezes. “Convenci um pedreiro que estava fazendo uma calçada a me dar uma camisa toda suja de cimento, e em troca dei uma oficial novinha”, relembra o colecionador.

Não foi uma camisa qualquer. Era um modelo do antigo Grêmio Esportivo Flamengo, como o clube era chamado até 1971. Até 1975, o time esteve unido ao Juventude durante quatro anos, como Associação Caxias de Futebol. Só a partir daquele ano, novamente separado do rival, ele adotou o atual Sociedade Esportiva e Recreativa Caxias do Sul.

A coleção de Leandro é tão rica que a camisa que pertencia ao pedreiro, de 1969, não é a única dos tempos de Flamengo. A mais antiga é de 1964. No momento desta entrevista, eram 153 camisas do clube, muitas delas de jogo. “Acredito que essa deve ser a maior coleção do time”, arrisca o treinador de futsal e futebol, de 43 anos.

Leandro tem possivelmente a maior coleção de camisas do Caxias (Foto: Acervo pessoal)
Leandro tem possivelmente a maior coleção de camisas do Caxias (Foto: Acervo pessoal)

Quando tudo começou

A primeira camisa do Caxias foi ganha quando tinha 4 anos, presente dos pais, torcedores do clube. A coleção começou a ser levada a sério, relata, em 1998, depois de um jogo pela Série C do Campeonato Brasileiro. “Possuo uma camisa de 1976, da primeira participação no Brasileirão”, orgulha-se o gaúcho.

A coleção poderia ser ainda maior, não fosse um furto de oito camisas que sofreu, levadas do varal de casa. “Gostaria de ter de volta na coleção as camisas dos anos 90, tanto a grená quanto a branca com o patrocínio da Marcopolo estampada nelas”, almeja.

“Convenci um pedreiro que estava fazendo uma calçada a me dar uma camisa toda suja de cimento, e em troca dei uma oficial novinha”. (Leandro Luciano)

Leandro possui uma relíquia usada no Brasileirão de 1976 (Foto: Acervo pessoal)
Leandro possui relíquias entre as camisas da coleção (Foto: Acervo pessoal)

Troca mais engraçada

Quem sabe Leandro se depare com as camisas perdidas algum dia. “Para ampliar a coleção, fico sempre atento em dias de jogos ou até mesmo nas ruas, para ver se aparece alguma que não possuo na coleção”, explica. “Se aparecer, iniciamos as negociações ali mesmo”.

Às vezes, nem precisa de dinheiro. “Uma vez, após vencermos o Grêmio, a torcida fazia a festa em frente ao estádio Centenário, então um torcedor, em avançado estado de embriaguez, passou por mim com a relíquia de 1976. Ofereci cinco cervejas pela camisa, e ele aceitou”. É muita resenha!

  • Leandro tem duas camisas do tempo em que o Caxias se chamava Flamengo (Foto: Acervo pessoal)
  • Leandro tem duas camisas do tempo em que o Caxias se chamava Flamengo (Foto: Acervo pessoal)

Perfil

Clube: Sociedade Esportiva e Recreativa Caxias do Sul
Fundação: 10/04/1935
Estádio: Centenário (22 mil lugares)
Cidade: Caxias do Sul (RS)
Títulos: Campeonato Gaúcho (2000) e 2ª divisão do Campeonato Gaúcho (1953 e 2016)

  • Veja outras camisas da coleção de Leandro Luciano (Foto: Acervo pessoal)
  • Veja outras camisas da coleção de Leandro Luciano (Foto: Acervo pessoal)
  • Veja outras camisas da coleção de Leandro Luciano (Foto: Acervo pessoal)
  • Veja outras camisas da coleção de Leandro Luciano (Foto: Acervo pessoal)
  • Veja outras camisas da coleção de Leandro Luciano (Foto: Acervo pessoal)
  • Veja outras camisas da coleção de Leandro Luciano (Foto: Acervo pessoal)

Siga o Verminosos por Futebol:
Facebook
Twitter
Instagram
Youtube

Entre em nosso canal no Telegram.

Receba nossas matérias no Whatsapp: adicione o número 85-99215.9174 e envie “oi” pra gente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

// Categorias

// Histórico de Publicações

// As mais lidas

Quer ser o primeiro a receber nossas novidades por e-mail?

// TV Verminosos

// Tags

Compartilhe: