Stakecheia

Leaderboard - KTO

Viagem no tempo

Penal Largo: A falta sem barreira que já foi implementada no futebol do Chile

Em 1990, no Chile, faltas com menos de 25 metros de distância do gol viravam tiros longos sem barreira

PinUp-Bet

melhor site de apostas futebol
A nova regra durou apenas seis meses da temporada de 1990 no futebol chileno (Foto: Reprodução)
A nova regra durou apenas seis meses da temporada de 1990 no futebol chileno (Foto: Reprodução)

A história se inicia em março de 1990, quando o Chile vivia um momento de prosperidade pós-ditadura. Em âmbito esportivo, porém, o país havia sofrido uma dura punição: não poderia participar das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 1994, depois de o goleiro Roberto Rojas fingir ferimento por um fogo de artifício atirado em campo em partida contra o Brasil, em 1989.

Em meio a esse turbilhão que o Chile enfrentava, a Associação Nacional de Futebol resolveu ingressar com uma nova regra para tornar o jogo mais emocionante. Ela foi batizada como “Penal Largo”.

A Associação Nacional de Futebol do Chile inventou a regra para gerar mais emoção (Foto: Reprodução)
A Associação de Futebol do Chile inventou a regra para gerar mais emoção (Foto: Reprodução)

Essa regra começou a ser aplicada na Copa do Chile e na 2ª divisão nacional, e consistia no seguinte: uma linha era traçada a 25 metros do gol, e todas as faltas feitas entre essa linha e a meta do goleiro resultavam em tiros livres sem barreira, que poderiam ser batidos de onde o jogador sofreu a falta ou da meia-lua da área.

Era obrigatório que fosse um chute; não poderia ser um passe. O goleiro poderia ter livre movimentação, mas obrigatoriamente deveria respeitar a distância. E todos os jogadores deveriam ficar a uma distância de 9,15 metros da bola.

Regra deu resultado

Se a meta era marcar mais gols nos jogos, isso foi cumprido. Em um final de semana de partidas no país, 63 gols foram marcados, sendo 18 deles graças à nova regra. Quase 30% dos gols nasceram devido à regra.

Veja alguns “penais largos” de 1990:

Depois de seis meses de sua implantação e com grande aceitação de jogadores, técnicos e dirigentes, a regra foi abandonada. Durou apenas o Apertura da 2ª divisão chilena. Até uma visita de um membro da Fifa foi feita para uma eventual aplicação do regulamento no resto do mundo, mas a ideia acabou caindo por terra.

Será que a regra seria aplicável nos dias de hoje?

A nova regra foi implementada apenas no Apertura de 1990 (Foto: Reprodução)
A nova regra foi implementada apenas no Apertura de 1990 (Foto: Reprodução)

> Reportagem produzida por Yuri de Melo, com edição de Rafael Luis Azevedo, do Verminosos por Futebol.


Siga o Verminosos por Futebol:
Instagram
Twitter
Facebook
Youtube

Tiktok

Entre em nosso canal no Telegram.

Receba nossas matérias no Whatsapp: adicione o número 85-99215.9174 e envie “oi” pra gente.

Uma resposta para “Penal Largo: A falta sem barreira que já foi implementada no futebol do Chile”

  1. Isso foi implementado também no torneio Rio-São Paulo de 1997, após a décima quinta falta, era realizada essa cobrança de falta na meia lua.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

// Categorias

// Histórico de Publicações

// As mais lidas

Quer ser o primeiro a receber nossas novidades por e-mail?

    // TV Verminosos

    // Tags

    Compartilhe: