Stakecheia

Leaderboard - KTO

Carrinho de compras

Roxinho lança camisa retrô de Afonsinho

Pelo quarto ano seguido, um clube cujo departamento profissional está desativado há mais de duas décadas lança uma camisa. O […]

WTG-bet

PinUp-Bet

melhor site de apostas futebol
Roxinho-camisa-Afonsinho
O Campos Atlético, o Roxinho, lança nos 101 anos camisa retrô de Afonsinho (Fotos: Divulgação)

Pelo quarto ano seguido, um clube cujo departamento profissional está desativado há mais de duas décadas lança uma camisa. O privilégio é do Campos Atlético, o Roxinho, de Campos dos Goytacazes (RJ), que completa neste sábado 101 anos de fundação e consegue diante de sua órfã torcida uma ligação singular no futebol brasileiro.

O novo presente para os torcedores é a camisa em homenagem a Afonsinho, meio-campista que vestiu o manto roxo em amistoso contra o Palmeiras, em 1974, em Campos. Na equipe alviverde, estavam Leão, Luis Pereira, Ademir da Guia e Leivinha. Afonsinho fez o gol da derrota por 4 a 1.

Afonsinho
Afonsinho, que junto com Sócrates foi um dos jogadores mais politizados da história do futebol brasileiro, foi o primeiro a conquistar seu passe livre

Modelo retrô de poliéster da camisa daquele jogo, ela será vendida por R$ 40, mais frete de R$ 15. O lançamento será neste domingo, em evento com a presença de Afonsinho. A iniciativa foi do jornalista Wesley Machado, torcedor do Roxinho e autor do livro Saudosas Pelejas, lançado no centenário em 2012. “Fui jogador das escolinhas”, relembra.

Só mesmo o extra-campo para resgatar a história do time. Fundado em 1912, o Roxinho foi cinco vezes campeão municipal, numa cidade com outros clubes tradicionais. A realidade hoje é bem diferente.

O Roxinho ainda tem torcedores apaixonados, novos e antigos”. Wesley Machado.

Desde 1989 o Roxinho está distante do estadual, quando disputou a 3ª divisão. Por isso o time vive à sombra de Goytacaz e Americano, que já participaram do Campeonato Brasileiro e hoje estão na 2ª divisão estadual. Além do Rio Branco, que também desativou o futebol profissional, mas mantém no amadorismo a fama de ser o único com camisa titular de cor rosa no futebol nacional.

Estadio-Angelo-de-Carvalho
Estádio Angelo de Carvalho, de 2 mil lugares, encontra-se longe dos holofotes do futebol profissional. Sua última vez foi na 3ª divisão do estadual de 1989

Atualmente os jogadores das categorias de base do Roxinho foram emprestados para o Espírito Santo FC. “Os dirigentes têm dito que pretendem disputar a Série C do estadual, mas alegam que as taxas são muito altas”, relata Wesley.

Apesar de estar distante dos estádios, o Roxinho vive um resgate cultural, com direito a documentário lançado em 2008. “Nas minhas pesquisas, tem sido importante a ajuda do diretor da Liga Campista de Desportos, Wilson Carlos, que também é um apaixonado roxinho”, registra o jornalista.

Nos últimos anos, os dirigentes têm dito que pretendem disputar a Série C do estadual, mas alegam que as taxas são muito altas”. Wesley Machado.

Desde 2010, quando completou 98 anos, o clube tem lançado camisas comemorativas no aniversário, além de chaveiro, bóton, boné e flâmula. “Muito clube em atividade não tem isso”, gaba-se Wesley. Sinal de que um time morre não quando sai de campo, mas sim quando é esquecido por sua torcida.

Saudosas-Pelejas

Conheça o livro Saudosas Pelejas:
www.literaturanaarquibancada.com/2012/11/campos-saudosas-pelejas.html

Encomenda da camisa de Afonsinho:
Preço: R$ 40, mais R$ 15 de frete
Contato: roxinho2012@gmail.com

Documentário sobre o Roxinho, de 2008:

Mais fotos do Roxinho: (clique para ampliar)

  • Time do Palmeiras do amistoso com o Campos em 1974
  • Time do amistoso contra o Palmeiras
  • Torcedores reunidos na festa do centenário
  • Entrada antiga da bilheteria do Campo do Campos
  • Wilson e Wesley, pesquisadores da memoria do Campos
  • Márcio de Aquino e Wesley Machado, escritores
  • Carlos Villagran com o livro de Wesley Machado
  • Escudo do Campos

Clique no link e leia também:

Tonico-Pereira-e-maior-idolo-do-Goytacaz
www.verminososporfutebol.com.br/deu-a-louca/tonico-pereira-e-maior-idolo-do-goytacaz

6 respostas para “Roxinho lança camisa retrô de Afonsinho”

  1. Uma boa matéria sobre o Campos A.A., que teve sua história contada pelo jornalista Wesley Machado no livro Saudosas Pelejas. Wesley, assim como eu, é um apaixonado pelo clube

  2. O Roxinho faz parte de mim, enquanto cidadão. Cresci em seus arredores, moleque largado que fui, de Ilha do Cunha, da antiga Baleeira, de jogar bola no Campo dos Tiradores de Areia, de comprar mortadela na venda de Daniel, de frequentar o Campo dos Servidores (onde hoje é a extensão do Cemitério do Caju, vizinho ao local onde morava seu Guguta Caiau…Hoje é o Moto Clube de Campos. Disputamos, em nossos tempos de Liceu, memoráveis torneios lá, querido Wesley, exatamente lá, no Campo do Campos, como carinhosamente o chamávamos e éramos super bem acolhidos. Naquela época, lá pelo final dos anos sessenta, era um quadrilátero só, onde se misturava, Caju, Parque Leopoldina, Pecuária, enfim era um mundo imenso que se descortinava aos nossos pequenos olhos, corações e mentes de garotos, que éramos e no fundo, continuamos sendo. Amanhã, domingo, dia 26 de outubro do ano da graça de 2013, estarei lá para ver um dos meus ídolos, o Afonsinho, o “prezado amigo Afonsinho” cantado em prosa e verso, um dos Deuses do Futebol…aí, com toda a certeza, eu voltarei a ser criança…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

// Categorias

// Histórico de Publicações

// As mais lidas

Quer ser o primeiro a receber nossas novidades por e-mail?

    // TV Verminosos

    // Tags

    Compartilhe: