Viagem no tempo

Brasileirão de 2019 registra no 1º turno a 3ª maior média de público na história

A marca de 21.514 pagantes só é menor que as edições de 1983 (22.953) e 1969 (22.067)

O Maracanã tem sido protagonista na média de público (Foto: Ricardo Stuckert/CBF)
O Maracanã tem sido protagonista na média de público de 2019 (Foto: Ricardo Stuckert/CBF)

O 1º turno do Campeonato Brasileiro de 2019 chegou ao fim com marcas significativas nas arquibancadas. Passadas 19 rodadas, a competição assinala a maior média de público pagante dos últimos 36 anos: 21.514. Essa já é a 3ª maior da história, abaixo somente das edições de 1983 (22.953) e 1969 (22.067).

Desde que os públicos de jogos passaram a ser contabilizados no país, em 1967, ainda no torneio Roberto Gomes Pedrosa, precursor do Campeonato Brasileiro oficializado a partir de 1971, poucas vezes os estádios andaram tão cheios na média quanto neste ano.

Nem mesmo na Copa União de 1987, celebrada por reunir 16 dos principais clubes brasileiros, a média de público foi tão alta quanto agora. Na ocasião, a marca atingiu 20.877 pagantes, sendo a última vez até hoje em que a barreira dos 20 mil torcedores foi ultrapassada.

Dá pra subir mais

Há espaço para a média subir mais ainda no 2º turno, ultrapassando os dois maiores números. Graças à empolgação da torcida do Flamengo, que também assinalou uma marca significativa. Pela primeira vez em 36 anos um time atinge até aqui média acima de 50 mil pagantes.

No 1º turno de 2019, o Flamengo alcançou 50.694 torcedores por jogo. Na história do campeonato, só cinco vezes o campeão de público do ano atingiu números superiores. Duas delas com o Internacional em 1975 (51 mil) e o Atlético-MG em 1977 (55 mil).

A maioria das ocasiões, porém, foi com o próprio Flamengo, e em anos de títulos. Em 1983, foram 59 mil; em 1982, 62 mil; e em 1980, 66 mil. Ressalte-se: naquela época o número podia ser inflado com públicos gigantescos no Maracanã de outrora.

Nas finais desses três anos, o Flamengo levou 155 mil contra o Santos (em 1983), 138 mil contra o Grêmio (1982) e 154 mil contra o Atlético-MG (1980). Os três jogos estão entre os quatro maiores públicos do campeonato, junto aos 146 mil de Fluminense x Corinthians em 1976, o dia da invasão corintiana.

Hoje, a capacidade do Maracanã está limitada a 78 mil pagantes. Com o Flamengo na liderança e a empolgação da torcida em alta, um estádio maior levaria a média do time para o alto também. E, por consequência, a média de público do Brasileirão de 2019 seria facilmente a maior da história.

Ranking de público de 2019 (ARTE: Rafael Luis Azevedo/Verminosos por Futebol)
Ranking do 1º turno (ARTE: Rafael Luis Azevedo/Verminosos por Futebol)
Ranking de público de 2019 (ARTE: Rafael Luis Azevedo/Verminosos por Futebol)
Ranking do 1º turno (ARTE: Rafael Luis Azevedo/Verminosos por Futebol)

* Os números de 2019 informados nesta matéria são do site Sr. Goool.

O Verminosos por Futebol reúne abaixo uma série de estatísticas. Divirta-se!

 

> Atenção: Vai republicar o levantamento? Garanta crédito ao pesquisador João Ricardo de Oliveira, fonte dos dados, e a Rafael Luis Azevedo, do Verminosos por Futebol, pela edição.

Melhor média de público do Campeonato Brasileiro ano a ano:

1967 – Cruzeiro – 34.037 pagantes
1968 – Vasco – 38.292
1969 – Fluminense – 40.459
1970 – Flamengo – 48.721
1971 – Flamengo – 37.026
1972 – Corinthians – 40.719
1973 – Flamengo – 33.660
1974 – Vasco – 36.619
1975 – Internacional – 51.962
1976 – Corinthians – 47.729
1977 – Atlético-MG – 55.664
1978 – Palmeiras – 31.359
1979 – Internacional – 46.491
1980 – Flamengo – 66.507
1981 – Flamengo – 43.614
1982 – Flamengo – 62.436
1983 – Flamengo – 59.332
1984 – Flamengo – 38.543
1985 – Bahia – 41.497
1986 – Bahia – 46.291
1987 – Flamengo – 47.610
1988 – Bahia – 35.537
1989 – Flamengo – 21.300
1990 – Atlético-MG – 26.748
1991 – Atlético-MG – 26.763
1992 – Flamengo – 42.922
1993 – Corinthians – 37.330
1994 – Atlético-MG – 22.673
1995 – Atlético-MG – 21.072
1996 – Atlético-MG – 25.449
1997 – Atlético-MG – 23.342
1998 – Cruzeiro – 28.384
1999 – Atlético-MG – 42.322
2000 – Fluminense – 20.219
2001 – Atlético-MG – 30.679
2002 – Fluminense – 25.666
2003 – Cruzeiro – 26.366
2004 – Corinthians – 13.547
2005 – Corinthians – 27.330
2006 – Grêmio – 25.630
2007 – Flamengo – 39.221
2008 – Flamengo – 40.694
2009 – Flamengo – 41.553
2010 – Corinthians – 27.446
2011 – Corinthians – 29.397
2012 – Corinthians – 24.299
2013 – Cruzeiro – 28.888
2014 – Cruzeiro – 29.678
2015 – Corinthians – 34.150
2016 – Palmeiras – 32.471
2017 – Corinthians – 40.007
2018 – Flamengo – 47.140

(*) De 1967 a 1970 – Torneio Roberto Gomes Pedrosa; A partir de 1971 – Campeonato Brasileiro.

Times mais vezes campeões de público desde 1967:

1º Flamengo – 15
2º Corinthians – 10
3º Atlético-MG – 9
4º Cruzeiro – 5
5º Bahia e Fluminense – 3
7º Internacional, Palmeiras e Vasco – 2
10º Grêmio – 1

Média de público do Campeonato Brasileiro ano a ano:

1967 – 20.545 pagantes
1968 – 17.749
1969 – 22.067
1970 – 20.259
1971 – 20.360
1972 – 17.591
1973 – 15.460
1974 – 11.599
1975 – 15.984
1976 – 17.010
1977 – 16.472
1978 – 10.539
1979 – 9.136
1980 – 20.792
1981 – 17.545
1982 – 19.808
1983 – 22.953
1984 – 18.523
1985 – 11.625
1986 – 13.423
1987 – 20.877
1988 – 13.811
1989 – 10.857
1990 – 11.600
1991 – 13.790
1992 – 16.814
1993 – 10.914
1994 – 10.222
1995 – 10.332
1996 – 10.913
1997 – 10.487
1998 – 13.487
1999 – 17.018
2000 – 11.546
2001 – 11.400
2002 – 12.886
2003 – 10.468
2004 – 8.805
2005 – 13.765
2006 – 12.401
2007 – 17.461
2008 – 16.992
2009 – 17.869
2010 – 14.839
2011 – 14.886
2012 – 13.224
2013 – 15.144
2014 – 16.555
2015 – 17.050
2016 – 15.188
2017 – 15.968
2018 – 18.867

(*) De 1967 a 1970 – Torneio Roberto Gomes Pedrosa; A partir de 1971 – Campeonato Brasileiro.

Fonte: João Ricardo de Oliveira/Verminosos por Futebol.

5 maiores públicos da história do Campeonato Brasileiro:

1º – 155.523 – Flamengo 3×0 Santos, Maracanã – 29/5/1983
2º – 154.335 – Flamengo 3×2 Atlético-MG, Maracanã – 1/6/1980
3º – 146.043 – Fluminense 1×1 Corinthians, Maracanã – 5/12/1976
4º – 138.107 – Flamengo 1×1 Grêmio, Maracanã – 18/4/1982
5º – 135.487 – Botafogo 3×1 Flamengo, Maracanã – 19/4/1981

Fonte: RSSSF.


Ranking de público das 4 divisões do Campeonato Brasileiro de 2018:

Clube – Média de pagantes – Total de pagantes – Jogos – Divisão
1º Flamengo-RJ – 47.140 – 895.652 – 19 – Série A
2º São Paulo-SP – 34.321 – 652.098 – 19 – Série A
3º Palmeiras-SP – 32.357 – 614.776 – 19 – Série A
4º Corinthians-SP – 31.367 – 595.981 – 19 – Série A
5º Fortaleza-CE – 28.702 – 545.340 – 19 – Série B
6º Internacional-RS – 28.022 – 532.426 – 19 – Série A
7º Ceará-CE – 27.985 – 531.718 – 19 – Série A
8º Grêmio-RS – 22.264 – 423.019 – 19 – Série A
9º Bahia-BA – 19.315 – 366.991 – 19 – Série A
10º Atlético-MG – 17.398 – 330.553 – 19 – Série A

Ranking de público das 4 divisões do Campeonato Brasileiro de 2017:

Clube – Média de pagantes – Jogos – Divisão
1º Corinthians-SP – 40.007 – 19 – Série A
2º São Paulo-SP – 35.228 – 19 – Série A
3º Palmeiras-SP – 29.660 – 19 – Série A
4º Internacional-RS – 23.328 – 19 – Série B
5º Bahia-BA – 21.541 – 19 – Série A
6º Ceará-CE – 20.555 – 19 – Série B
7º Grêmio-RS – 19.728 – 19 – Série A
8º Fortaleza-CE – 18.175 – 12 – Série C
9º Vasco-RJ – 15.031 – 16 – Série A
10º Cruzeiro-MG – 14.522 – 19 – Série A

Fonte dos dados de 2017 e 2018: Sr. Goool.

Siga o Verminosos por Futebol:
Facebook
Twitter
Instagram
Youtube


// Categorias

// Histórico de Publicações

// As mais lidas

Quer ser o primeiro a receber nossas novidades por e-mail?

// TV Verminosos

// Instagram

// Tags

Compartilhe: