Carrinho de compras

Brechó na tradicional Rua Augusta, em São Paulo, oferece tesouros do futebol

Lançada em 2017, a loja virtual Camisas Fan Clube abriu seu espaço físico neste ano. Fomos conhecer

A loja Camisas Fan Clube foi aberta pelo colecionador Luís Felipe Pelosi (Foto: Divulgação)
A loja Camisas Fan Clube foi aberta pelo colecionador Luís Felipe Pelosi (Foto: Divulgação)

Por Daniel Valenciano Gimenes

Todo amante de futebol tem alguma camisa em seu guarda-roupa, seja do time de coração, do clube europeu favorito ou uma que ganhou de presente “daquele” parente fanático. A vontade de colecionar camisas de vários times do mundo fez com que Luís Felipe Pelosi, proprietário da loja Camisas Fan Clube, começasse um negócio de venda de camisas que iniciou na internet e hoje tem seu espaço físico, em São Paulo.

“Tudo começou no meio dos anos 90. Como eu não tinha condições de comprar camisas, ia até o hotel no meu bairro onde ocorriam concentrações de equipes de futebol e ficava pedindo aos jogadores. Alguns times de fora vinham para este hotel e eu acabei conseguindo camisas do Coritiba e do Grêmio. Foi aí que a ideia de colecionar camisas iniciou”, relembra Luís Felipe.

Loja lançada em 2017

No fim dos anos 90, o jovem começou a trabalhar e a usar seu salário para comprar camisas antigas, as quais não conseguia quando era mais jovem. Dessa forma, ele começou a montar uma grande coleção de blusas de futebol. Em dezembro de 2017, teve a ideia de criar uma loja virtual, para que outros fãs e colecionadores conseguissem ter camisas de época.

Através do Facebook, do Mercado Livre e de sua página do Instagram, Luís Felipe passou a vender suas camisas e viu o brechó Camisas Fan Clube crescer. Quanto mais seguidores sua página ganhava, mais camisas chegavam a sua coleção e mais vendas eram feitas, atraindo holofotes para a loja. Até que essa fama chegou ao programa Resenha, da ESPN.

“Um dia eu postei uma foto da camisa do Palmeiras de 1997. Alex me chamou, querendo comprar a camisa, e eu o presenteei. Marcamos de nos encontrar em uma padaria perto da ESPN, e levei camisas também de Djalminha e Fábio Luciano, para autografá-las. Acabei participando do programa junto com eles”, relata Luís Felipe. Hoje, o cenário do Resenha é decorado com algumas peças da coleção.

“Tudo começou no meio dos anos 90. Como eu não tinha condições de comprar camisas, ia até o hotel no meu bairro onde ocorriam concentrações de equipes de futebol e ficava pedindo aos jogadores”. (Luís Felipe Pelosi)

Luís Felipe Pelosi já participou do programa Resenha, da ESPN (Foto: Divulgação)
Luís Felipe Pelosi já participou do programa Resenha, da ESPN (Foto: Divulgação)

Abertura da loja física

Em março deste ano, a Camisas Fan Clube abriu um espaço físico, localizado na Galeria Ouro Fino, na Rua Augusta, em São Paulo. “A ideia de abrir a loja física foi por necessidade mesmo, porque eu trabalhava de casa e chegou um momento em que não cabiam mais cabides no meu quarto”, explica Luís Felipe.

Inicialmente, a loja abriria em abril, porém a pandemia do coronavírus impediu que a inauguração acontecesse, e ele continuou a trabalhar de casa no período. Comparada a outras lojas esportivas, a Camisas Fan Clube possui como diferencial a variedade de épocas, tendo um estoque de relíquias.

“Faz dois anos que eu vou para a Argentina e trago camisas. Times como Platense, Defensa y Justicia, Huracan, Banfield, Argentinos Juniors, que você só vai encontrar aqui. Além das camisas de época, que não são mais encontradas em lojas, nosso diferencial é ter times de menor expressão e menos conhecidos”.

Não é em qualquer loja esportiva que você consegue esse privilégio.

Rapidamente o Camisas Fan Clube fez sucesso nas redes sociais (Foto: Reprodução)
Rapidamente o Camisas Fan Clube fez sucesso nas redes sociais (Foto: Reprodução)

15 camisas legais selecionadas por Luís Felipe:

 

1) Camisa do Corinthians de 1983, usada em jogo por Zé Maria.

2) Camisa do Corinthians de 2000, assinada por Edílson, Fábio Luciano, Luisão, Marcelinho e Vampeta.
3) Camisa da seleção brasileira de 2002, pentacampeã do Mundo, assinada por Luizão.

4) Camisa do Bragantino de 1990/91. Na época, o camisa 6 era o lateral Biro Biro Ribeiro.

5) Camisa do Flamengo de 1994/95, comemoração do centenário.

6) Camisa do Internacional de 1994/95. Na época, o número 10 era de Marquinhos.

7) Camisa do Palmeiras de 1993. Na época, a camisa 7 era de Edmundo.

8) Camisa do Santos de 2012, ano do centenário, usada na conquista da Recopa Sul-Americana.

9) Camisa do São Paulo de 2001. Na época, a camisa 10 era usada por Adriano Gerlin.

10) Camisa da Juventus de 1995. Na época, a camisa 10 era usada por Alessandro Del Piero.

11) Camisa do Milan de 2000/01.

12) Camisa do Boca Juniors de 2000. Na época, a camisa 10 era usada por Riquelme.

13) Camisa da Roma de 2007, usada em jogo pelo goleiro Júlio Sérgio.

14) Camisa do Barcelona de 1992/95. Na época, a camisa 10 era usada por Romário.

15) Camisa do Borussia Dortmund de 1997. Ano da conquista da Champions League.

Serviço:

Camisas Fan Clube
Local: Rua Augusta, 2.690, loja 117, na Galeria Ouro Fino, próximo ao metrô Oscar Freire.
Horário: Segunda a sábado, das 10h às 16h.
Contatos: (11) 95109-6574 e camisasfanclube@gmail.com
Site | Instagram | Facebook

> Daniel Valenciano Gimenes, autor desta matéria, é estudante do 4º semestre de Jornalismo na Universidade Metodista do Estado de São Paulo e produziu esta reportagem sob orientação de Rafael Luis Azevedo, do Verminosos por Futebol.

Siga o Verminosos por Futebol:
Facebook
Twitter
Instagram
Youtube


// Categorias

// Histórico de Publicações

// As mais lidas

Quer ser o primeiro a receber nossas novidades por e-mail?

// TV Verminosos

// Tags

Compartilhe: