https://apostasfc.com/melhores-casas/?utm_source=verminosos&utm_medium=galerabet&utm_campaign=sitiosexternos

Deu a louca

Maga não quer mais o lugar do Íbis

Esqueça o Íbis. Dizem que o pior time do Brasil, quiçá do mundo, não é mais do Recife. Seria de […]

O Maga Esporte Clube, de Indaial-SC, levou três anos pra conseguir a primeira vitória, na 3ª divisão catarinense (Foto: Divulgação)
O Maga, de Indaial-SC, levou três anos para obter a 1ª vitória, na 3ª divisão local (Foto: Divulgação)

Esqueça o Íbis. Dizem que o pior time do Brasil, quiçá do mundo, não é mais do Recife. Seria de Indaial-SC, cidade a 168 km de Florianópolis. É lá onde o Maga Esporte Clube, da 3ª divisão catarinense, coleciona um histórico de derrotas digno de orgulhar a torcida do Pássaro Preto, hoje na 2ª divisão pernambucana.

Profissionalizada em 2009, a equipe levou 32 partidas e três anos para conseguir a primeira vitória em campo: 2 a 1 sobre o Navegantes, em 2012, no estádio Gigante do Vale, em Indaial. Até então, o time somava nove gols a favor, 132 gols sofridos, 30 derrotas, nenhum empate e uma vitória por WO.

Essa vitória obtida sem entrar em campo, sobre o Pinheiros, em 2011, acabou anulada depois, porque um dos jogadores inscritos pelo Maga estava em situação irregular. Ou seja, o time conseguiu o feito de perder os pontos de uma vitória conquistada por WO… Mais alternativo impossível!

Indaial é uma cidade catarinense com 60 mil habitantes (Foto: Divulgação)
Indaial é uma cidade catarinense com 60 mil habitantes, localizada a 168 km de Florianópolis (Foto: Divulgação)

Tanta ruindade se explica. O time reunia jogadores amadores da região. Não treinava antes das partidas, e chegou a ir a campo sem atletas reservas. Acima do peso, o goleiro já pesou 120 quilos. Num jogo de 2011, por falta de camisa 9, Júnior largou as luvas e foi para o ataque.

“Durante algum tempo o Maga teve um papel mais social na região, sem a pretensão de se tornar um clube grande”, comenta Rildo Bezerra, ex-treinador e hoje funcionário da equipe.

> LEIA TAMBÉM

Na última temporada, o Maga formou um elenco de maior qualidade. Conseguiu três vitórias e um empate em 16 rodadas, que garantiram a vice-lanterna da 3ª divisão catarinense. Campanha ainda ruim, mas melhor que a do Barra, de Balneário Camburiú, último colocado.

Agora, o Maga pretende se descolar de vez da imagem inusitada. Pela primeira vez foi formada uma categoria de base, através de uma parceria local. A estreia na 3ª divisão de 2014 veio com derrota por 1 a 0 para o Fluminense de Joinville, no último domingo, mas a diretoria está esperançosa.

“Tenho carinho pelo Íbis, mas esse título de ‘pior do mundo’ eu deixo pra eles”, diverte-se Gil Pernambucano, novo diretor do Maga. O Pássaro Preto, certamente, agradece a reverência.

Tenho carinho pelo Íbis, mas esse título de ‘pior do mundo’ eu deixo pra eles”.
Gil Pernambucano, diretor do Maga.

Antigo Facebook do Maga ainda se orgulha das marcas negativas (Foto: Divulgação)
Antigo Facebook do Maga Esporte Clube ainda se orgulha das marcas negativas (Foto: Divulgação)

Histórico do Maga na 3ª divisão catarinense:

2009 – 6 J, 6 D, 1 GP, 24 GC – 8º colocado (lanterna)
2010 – 6 J, 6 D, 2 GP, 32 GC – 9º colocado (lanterna)
2011 – 12 J, 1 V (WO), 11 D, 6 GP, 53 GC – 7º colocado (lanterna)
2012 – 10 J, 1 V, 9 D, 2 GP, 34 GC – 6º colocado (lanterna)
2013 – 16 J, 3 V, 1 E, 11 D, 13 GP, 38 GC – 8º colocado (vice-lanterna)

Site do Maga:
www.magaesporteclube.com.br

Veja matéria sobre a 1ª vitória do Maga, em 2012:

Clique no link e leia também:

Israelita
www.verminososporfutebol.com.br/viagem-no-tempo/israelita-o-time-de-judeus-do-recife


// Categorias

// Histórico de Publicações

// As mais lidas

Quer ser o primeiro a receber nossas novidades por e-mail?

// TV Verminosos

// Tags

Compartilhe: